Notícias

Selo Amigo Projeto Padrinho

Campo Grande, 30/10/2019

Nesta terça-feira (29), o Tribunal de Justiça, por meio da Vara da Infância, da Adolescência e do Idoso da Capital, realizou a solenidade de abertura do Curso de Preparação para Padrinhos e entrega do selo “Amigo do Projeto Padrinho”.
Durante o evento, o Instituto Mirim que atua em parceria com TJ/MS, recebeu o selo “Amigo do Projeto Padrinho”, por realizar atendimentos sociais, capacitação e encaminhamento profissional e ainda, promover a convivência e o fortalecimento de vínculos com os adolescentes beneficiados pelo Projeto Padrinho.
O PROJETO PADRINHO, por meio dos diversos tipos de apadrinhamento, pretende estimular a manutenção de vínculos de crianças e adolescentes acolhidos com pessoas da comunidade, que se habilitam na forma de padrinhos e madrinhas, compromissados a estabelecer relação de afeto, de respeito e de cuidado, ampliando oportunidades de convivência familiar e comunitária.

Saiba mais:

O Projeto Padrinho existe em Mato Grosso do Sul desde junho de 2000, idealizado pela então juíza da Vara da Infância e Juventude da Capital, Maria Isabel de Matos Rocha, com objetivo de sensibilizar a sociedade a conhecer a realidade das crianças institucionalizadas e contribuir com ajuda humana e material. O programa de apadrinhamento pretende estimular a manutenção de vínculos de crianças e adolescentes acolhidos com pessoas da comunidade, que se habilitam na forma de padrinhos e madrinhas, compromissados a estabelecer relação de afeto, de respeito e de cuidado, ampliando oportunidades de convivência familiar e comunitária.
Importante lembrar que a participação no Projeto Padrinho não resulta em privilégios ou preferência em eventual processo de adoção do apadrinhado ou de qualquer outra criança ou adolescente, daí a importância do Curso de Preparação para Padrinhos para que os interessados em apadrinhamento conheçam as regras do programa – inclusive o fato de que seu desligamento, por vontade própria, não impede futura participação.
São modalidades de apadrinhamento:
- afetivo: proporciona atenção e carinho a crianças ou adolescentes acolhidos, orientando-as quanto à saúde e à educação, promovendo a convivência familiar e social saudáveis que gerem experiências gratificantes;
- material: presta atendimento às necessidades materiais ou financeiras da criança ou do adolescente e suas respectivas famílias, das entidades de acolhimento ou das famílias acolhedoras, com auxílio material ou financeiro como a doação de material escolar, vestuário, brinquedo, o patrocínio de curso profissionalizante, reforço escolar, prática esportiva, idiomas ou outra especificidade da criança ou adolescente, conhecendo ou não os afilhados;
- prestador de serviço: presta serviço gratuitamente, de acordo com a natureza de sua profissão ou ofício, a crianças e adolescentes acolhidos e suas respectivas famílias em vias de reintegração, das entidades de acolhimento ou das famílias acolhedoras;
- cultural: patrocina o acesso à cultura para crianças e aos adolescentes de forma coletiva, como cinema, teatro, museu, espetáculos artísticos e livros.

Mais informações podem ser obtidas no Núcleo de Adoção do Fórum, situado na Rua da Paz, 14, e pelos telefones 3317-3512, 3317-3548 e 3317-3551.

É o Instituto Mirim atuando para promover o protagonismo e a inclusão social dos jovens e adolescentes.